sábado, 29 de setembro de 2012

Ausência


Desculpem esta ausência, este tempo que estive sem poder vir até cá. Este mês tem sido muito complicado de gerir o tempo, não tenho tido muito tempo para mim, infelizmente. Estes últimos dias tem sido apenas trabalhar, comer e dormir, nada mais. Estou cansado, exausto e cheio de sono. O meu blog já não é o que era e isso deixa me muita pena, não tenho visitado os vossos blogs, mas vou tentar mudar isso, vou tentar voltar ao que era.

Peço desculpa por tudo, mas espero que compreendam...

terça-feira, 25 de setembro de 2012

domingo, 23 de setembro de 2012

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Outono


E assim acaba o Verão e começa o Outono. Vai deixar me saudades, mas eu também gosto muito do Outono. Que venha um grande Outono com muitas coisas boas!

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Vai deixar saudades


Quando o verão acabar vai deixar saudades e esta imagem deixa-me a pensar na tranquilidade, paz e sossego que nos deixa juntamente com ele.



Imaginem 1 hora


Rebelde

Significado de rebelde


adj. Que se levanta contra a autoridade legítima ou constituída: uma província rebelde.
Que não obedece: rebelde aos nossos conselhos.
Difícil de debelar: doença rebelde.
Metais rebeldes, refractários à acção do fogo.
s.m. e s.f. Pessoa que se rebela, que se revolta; revel.


Espero ter tirado a dúvida a toda a gente que me perguntou o que significa rebelde para mim, espero que tenha sido uma boa aula de português, espero por vocês na próxima aula, até à próxima...

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Posso fazer uma pergunta?


Há meninas rebeldes aqui na blogosfera?!

Sentimento


Novamente...


...Bruno Mars. Adoro esta música, muito mesmo!


Prenda adiantada


Gostei muito desta imagem. Pelo cão, acho que é muito fofo e a rapariga faz me lembrar alguém que tem falado muito de cães e que apesar do seu medo deles, também tem um grande sentimento por eles... Se ela ler isto saberá bem que estou a falar dela.

A rotina


A rotina é tramada, faz nos seguir sempre o mesmo "caminho", mesmo quando temos ao nosso lado uma forma de a quebrar.

domingo, 16 de setembro de 2012

Nevoeiro


E não é que hoje fui para a praia e quando lá cheguei dei meia volta e vim embora! Maldito nevoeiro! Não conseguia ver nada, o sol estava totalmente coberto, o ar estava frio e húmido, a praia com pouca gente, praticamente vazia... Não havia nada a fazer, unicamente vir embora.

Não me...


...importava de ter assim uma janela em casa com uma vista tão bonita e poder descansar em duas almofadas sossegadamente enquanto lia algo. 


sábado, 15 de setembro de 2012

Ainda bem que elas existem


Existem pessoas que nos fazem felizes, que nos fazem sentir especiais, que nos fazem sentir como mais ninguém, que quando estamos com elas esquecemos tudo o resto e só queremos estar mesmo com elas... Existe esse tipo de pessoas e ainda bem que elas existem...

Nem mais


quinta-feira, 13 de setembro de 2012

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Desculpem-me


Ultimamente não tenho tido tempo para nada. Tenho dormido bastante, porque tenho tido muito sono. Não tenho vindo á internet. Desculpem não ter vindo á blogosfera ultimamente, sem fazer posts nem comentários, mas não tem dado mesmo. 
Espero que compreendam...

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Verificação de palavras de novo


Não consigo enviar comentários para blogs que têm verificação de palavras. Não sei porquê, mas dá sempre erro por mais que eu tente não adianta. E sei que não sou o único aqui a não conseguir.

Já notei que houveram bloggers, que deixaram de comentar o meu blog, porque eu não conseguia retribuir comentários, mas a verdade é que não tenho culpa nenhuma. Por isso, apelo a que vejam as vossas definições e retirem essa verificação. Porque se não o fizerem, não consigo comentar os vossos posts. E a verdade é que não gosto da verificação de palavras, porque enervo-me quando falho e perco tempo desnecessariamente.


Peço desculpa pela situação, mas espero que compreendam.


Agora a decisão é vossa, fica ao vosso critério.

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Apaixonar-me


"A próxima vez que me apaixonar quero que seja por alguém que me faça pensar que voltar a fazê-lo foi a melhor decisão que tomei."

Há coisas


...que se eu fizesse "morria" para a vida. Já pensaram em coisas que vocês "nunca" na vida fariam? Qualquer tipo de coisas... Que tipo de coisas vocês nunca fariam?

Mas sem dúvidas


"Uma das melhores coisas que há, é quando abraças alguém que gostas realmente e essa pessoa te aperta bem forte."


ps: tenho saudades disto... I need a hug. 

domingo, 9 de setembro de 2012

A ti


Por mais que eu tente esquecer, não consigo nem quero, por mais que eu diga a mim mesmo que acabou e não dá mais, eu não me ouço. Posso estar a fazer qualquer coisa que o meu pensamento não te afasta de mim. Entras-te e agora não consegues sair. Mesmo que eu corra e tente fugir, aqui dentro de mim só te encontro a ti.

Ao vasculhar...


...as minhas músicas, encontrei esta. Já é um pouco antiga.

A felicidade


Ser feliz sem motivo é a mais autentica forma de felicidade, porque não dependemos de outras coisas para sermos felizes, somos felizes graças a nós próprios. E não há felicidade mais pura que esta.

Ser amigo


Existe uma grande diferença


Ás vezes lutamos bastante pelo amor de uma pessoa, fazemos tudo o que podemos para conquistar essa pessoa, coisas que nunca pensamos que um dia iríamos fazer, coisas impensáveis para nós. Mas por vezes isso não chega, nem sempre conseguimos aquilo que queremos, nem sempre conseguimos o amor que tanto desejamos, porque a vida é mesmo assim. E quando assim é, não temos muito a fazer. Existe uma grande diferença entre desistir e saber quando já fiz tudo o que podia...

Nunca mudes...


...o teu jeito de ser. Podes não agradar a toda a gente, mas sabes bem que não precisas. Sê quem tu és na verdade, porque é assim que deve de ser, não te deixes seguir pelos outros, porque isso não vale a pena, isso é uma estupidez, muita gente irá dar te o valor que mereces se fores realmente tu. Quem perde não és tu, quem esta a mentir a si mesmo não és tu, isso é viver numa mentira infeliz, porque mais tarde ou mais cedo, tudo se descobre. Por isso, não temas, não tenhas medo de ser quem realmente és, porque quem gosta realmente de ti, não te modifica, completa-te. Nunca se esqueçam disso...

sábado, 8 de setembro de 2012

Ninguém dá valor a nada


Dia 30

Quem és tu?


Eu sou uma pessoa normal, tal como vocês, sou uma pessoa que tem as suas diferenças, tal como vocês, porque somos todos iguais e diferentes ao mesmo tempo. Quem sou eu? É uma boa pergunta, á qual existem várias respostas e possibilidades, é uma incógnita, pois nem eu sei quem sou...


Espero que tenham gostado de todos os 30 dias deste desafio, pois chegou este ao fim, exactamente no dia em que este blog faz dois meses de existência e fica esta pergunta no ar: Quem és tu? 

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Estava aqui...


...a vasculhar as minhas músicas e encontrei esta. 

Por vezes a história


Por vezes temos tendências a não conseguir seguir em frente, desistimos daquilo que queremos, daquilo que amamos. Mas sabemos que por vezes não é assim que deve ser, por vezes não é o mais correcto e não é o caminho a seguir, por vezes temos de ser insistentes e persistentes e continuar a lutar por aquilo que queremos. Ás vezes há relações complicadas, situações difíceis e há quem acabe por desistir de uma relação pelas adversidades que existem, mas não pode ser assim, pelo menos nem sempre... Porque por mais difícil que seja, se o amor entre essas pessoas for grande irá, certamente, ultrapassar sempre tudo e todos e conseguir afirmar-se. Apesar de uma pessoa desistir de um amor, não quer dizer que a outra o tenha de fazer, porque podemos sempre lutar por esse amor e tentar voltar a te-lo, porque a história só acaba, quando o último desiste...

Sempre foi assim e sempre será...  

Dia 29

No mês passado o que aprendeste?


Aprendi que apesar das diferenças das pessoas, seja no que for, tudo pode acontecer, tanto pode dar para o certo como para o errado. Porque há pessoas que não conseguem viver com pessoas completamente opostas, mas há outras que se completam com o oposto. Por isso, tudo é possível...  

"PARVOS" e "PANCADOS"


Bem não há melhor imagem para me definir a mim e a AJ, sempre a fazer beicinho um ao outro na brincadeira na webcam. E quando nos chateamos á seria um com o outro, fazemos caras tristes e chateadas, mas não conseguimos controlar esta farsa e começamos logo a rir descontroladamente um para o outro como se nada se passasse e a dizer que somos mesmo "parvos" e "pancados da cabeça" (ela diz que só eu é que sou pancado da cabeça, e que ela é normal).
É por isso que gostamos tanto um do outro, porque estamos sempre em "birras" e discussões, mas sabemos que não conseguimos chatear nos á seria um com o outro e sabemos que somos amigos de verdade e que aconteça o que acontecer, eu estarei aqui sempre para ela e ela sempre para mim. E é isso que faz a diferença. 

É tão bom conhecer uma pessoa como tu...

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Amizade

Em relação ao post sobre os amigos, tiro uma grande conclusão.


Não tenho poucos e não tenho muitos amigos, só tenho os melhores que a vida pode me dar.

Nunca ninguém pode esquecer isto


Dia 26

O que tu pensas sobre os teus amigos?


Muita gente diz que tem muitos amigos, que tem pessoas com quem podem contar sempre, mas a verdade é que apenas são conhecidos, são pessoas que mal se conhecem. Eu posso não ter imensos amigos, mas os que tenho chegam me perfeitamente, porque são bons e isso é o que interessa.

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

A felicidade


"A partir de hoje sou responsável pela minha felicidade e acreditem, não medirei esforços para me manter feliz."

Devíamos todos dizer esta frase, devíamos todos ter esta acção, porque só assim seremos realmente felizes. Eu sei que é difícil sermos responsáveis pela nossa felicidade, quando amamos alguém que nos fez sofrer, mas a verdade é que a vida é nossa e somos nós que temos de tratar da nossa felicidade, ela depende de nós e das nossas escolhas. Confesso que eu próprio gostaria de dizer esta frase, provavelmente seria bem diferente a minha vida...

Lembram-se...

...deste post? Pois, aqui esta a prova!


Não fui eu que fiz esta imagem, encontrei-a no facebook. Para quem tinha dúvidas, espero que estejam desfeitas. Os homens sofrem imenso, esta comprovado.


Gosto bastante desta música...



...pela voz da cantora.

Inicio do mês


Hoje vou para outro turno, porque é inicio do mês. Vou para o 3º turno (das 22h até ás 6h). É um turno complicado porque trabalha-se de noite e dorme-se de dia, mas tem de ser. Por isso vou estar ausente da blogosfera todos os dias de manha e de noite. É a vida, vamos lá ver como corre, se o sono não me vai atrapalhar. Espero que não...

E se eu apagasse o blog?


Eu já pensei várias vezes: "E se eu apagasse o blog?"
Mas acho que não teria coragem para isso, porque adoro este "mundo", adoro a blogosfera. Mas já houve vezes que me apeteceu apagar, mas acho que isso é normal.
E vocês já alguma vez pensaram em fazer isso? Já tiveram vontade em apagar? Em deixar este "mundo" fantástico?

Dia 25

Fotos do que eu iria encontrar na tua bolsa/mochila


Acho que este post não foi feito propriamente para rapazes, visto que não utilizamos bolsas (ou pelo menos alguns, porque este mundo esta a ficar perdido e hoje em dia já quase tudo é possível, se é que me faço entender), por isso não posso responder a isto.

domingo, 2 de setembro de 2012

E se eu morre se agora?


Já pensaram se morressem agora o que acontecia ou se passava? Eu não tenho medo de morrer, tenho medo da "minha" morte e de não conseguir viver tudo, de não conseguir aproveitar todas as coisas que ainda me faltam na minha vida, entendem?

É assim que deve ser


O blog do mês de Agosto


Quero agradecer a toda a gente que votou em mim e me ajudou a ser eleito o blog do mês de Agosto. Muito obrigado. Muito obrigado também á Dii, porque foi ela quem me nomeou. Quero dar os parabéns a todos os nomeados, porque todos eles tem blogs fantásticos e merecem também esta distinção. A Nix do blog POR TODO O CÉU EM ESTRELAS, que ficou em segundo, tem um blog que eu gosto imenso, é dos meus blogs favoritos e tem imensa qualidade, por isso é muito gratificante ter sido eleito no meio destes blogues tão bons. Pena esta rubrica acabar, porque graças a ela conheci bons blogs, dos quais muitos deles acompanho diariamente. Aqui esta o selo de blog do mês de Agosto:


Muito obrigado menina Francisca por tudo.

Já é um pouco antiga...


...mas eu gosto imenso dela.


Mais vale


Dia 24

Uma carta para os teus pais


Tal como não fiz uma carta para quem me magoou recentemente, também não o vou fazer em relação aos meus pais. Espero que compreendam, não tenho problema nenhum com os meus pais, nem tenho uma relação má com eles, simplesmente não sei o que escrever, porque eles sabem que eu gosto muito deles e eu sei que eles gostam muito de mim, e isso para mim chega.

sábado, 1 de setembro de 2012

Verificação de palavras novamente


Lembram se de ter falado neste post, que não conseguia fazer comentários a blogs que tem verificação de palavras? Pois, ainda não consigo fazer, esta sempre a dar erro... Peço a quem tiver blogs com verificação de palavras, para alterar e deixar de ter, porque assim não consigo fazer comentários. 
Agradeço a vossa compreensão, obrigado...  

"Comer gajas"


"Se há expressão portuguesa que me intriga é: "ando a comer uma gaja". É muito usada pelos homens portugueses, mas causa-me perplexidade pois dá-me sempre a sensação que a gaja que eles andam a comer é uma espécie de natureza morta, uma espécie de bife que se come ao almoço, ou perna de presunto a quem se vai cortando uma fatia quando dá vontade. É como se a mulher - a gaja - não tivesse vida, fosse um ser passivo, um animal morto que se limitasse a ser comido sem mexer sequer uma pálpebra. Quando um homem diz "ando a comer aquela gaja", é claro que isso é dito com orgulho, soa a vitória épica, mas a expressão coloca toda a movimentação sexual na parte do homem, é ele o activo e ela não passa do elemento passivo. É como se ele andasse a comer uma morta, e não um ser vivo, com capacidade para várias coisas, para ser comido mas obviamente também para comer. Quando um homem "come uma gaja" ele está também e ao mesmo tempo "a ser comido por ela", a refeição é mútua e não unilateral. Não faz qualquer sentido tratar as mulheres que se acabou de comer como inertes e frios camarões a quem se chupou a cabeça, ou pastéis de nata cobertos de canela que se enfiaram pela goela abaixo. É certo que há algo de animalesco no sexo, mas caramba neste caso os animais estão vivos e para grande felicidade e sorte nossa, também nos comem de volta! Em certos casos, a mulher pode tratar-se de uma coelhinha, muito dada ao sexo, ou de uma cabrita que dá pinotes. Noutros poderá tratar-se de uma loba que urra, de uma vaca que nos trata mal, ou de uma porca que faz de tudo com um sorriso nos lábios. Mas está sempre viva e não morta. Portanto, os homens devem rapidamente substituir a expressão "ando a comer uma gaja" pela expressão "aquela gaja e eu andamo-nos a comer que nem uns desalmados". É mais preciso, e também mais cavalheiroso."

Vi isto no facebook, o que acharam?